Notícias

Documento para revisão para Engenharia Biomédica é entregue à EBSERH

Um importante documento traçando o perfil do Engenheiro Biomédico para atuar como Engenheiro Clínico foi entregue, no último sábado, ao Presidente da EBSERH – Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, Dr. Kleber Moraes, pela Reitora da UFRN, professora Ângela Paiva. O documento foi especialmente elaborado pelas equipes do Departamento e do Curso de Engenharia Biomédica da UFRN e servirá como base fundamental ao processo de revisão dos editais de seleção para esta função.

Esse processo de revisão se faz necessário pois, atualmente, os editais da EBSERH impedem que o graduado em Engenharia Biomédica concorra as vagas ofertadas para a área de Engenharia Clínica.

Os primeiros passos para se iniciar as discussões foram dados no mês de setembro, quando o professor Ricardo Valentim, Coordenador do LAIS, esteve em Brasília reunido com a equipe de Recursos Humanos da EBSERH.

Durante a entrega do documento, também estavam presentes o vice-reitor da UFRN, José Daniel Diniz Melo, o Superintendente do HUOL, Dr. Stenio Gomes da Silveira; a Superintendente da Maternidade Ana Bezerra, Cláudia Rubim, e a representante da Maternidade Escola Januário Cicco, Dra. Maria da Guia.

Documento da UFRN norteará revisão para Engenharia Biomédica

Em reunião com a Reitoria da UFRN, professora Ângela Paiva, os professores Custódio Guerra, Chefe do Departamento de Engenharia Biomédica, e a professora Karilany Coutinho, Coordenadora do Curso, entregaram um documento contendo o perfil do Engenheiro Biomédico, habilitado a para exercer a engenharia clínica. O documento será entregue, pela Reitora, ao Presidente da EBSERH – Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares, responsável pela gestão dos hospitais universitários federais.

Esta ação é consequência de um trabalho que foi iniciado em setembro passado, quando o professor Ricardo Valentim, Coordenador do LAIS, esteve em Brasília reunido com a equipe de Recursos Humanos da EBSERH, para discutir a revisão dos editais que, atualmente, impedem que o graduado em Engenharia Biomédica concorra as vagas ofertadas para a área de Engenharia Clínica. O documento, elaborado pela equipe de Engenharia Biomética da UFRN, servirá como base para que o processo de revisão seja iniciado.

 
04 de outubro de 2017