Internacionalização

Núcleo de Cooperação Internacional e Interinstitucional

Em 2018, teve início a sistematização da agenda internacional do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS), como parte do processo de desenvolvimento de ações conjuntas e colaborativas entre a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e o Ministério da Saúde (MS). Toda essa trajetória tem contribuído ativamente para fomentar ações de cooperação técnica com instituições internacionais de ensino e pesquisa (universidades, institutos, laboratórios, grupos de pesquisa, redes internacionais).

Clique no mapa e saiba mais sobre as cooperações

Mapa de Cooperações
Estados Unidos da América

Universidade de Johns Hopkins

As ações de cooperação internacional com a John Hopkins University iniciou em 2019, o ponto focal da parceria é o Dr. Lúcio Gama, Diretor de Colaborações Científicas do Centro de Pesquisa de Vacinas (VRC) e representante do Departamento de Patobiologia Molecular e Comparativa da Escola de Medicina Johns Hopkins, com experiência em virologia, biologia molecular e imunologia - mais especificamente em HIV / SIV e células mielóides. Essa cooperação tem por objetivo a expansão de pesquisas acerca de neutralizadores de HIV e Sífilis, além de produções acadêmicas em parceria.

Estados Unidos da América

Universidade de Drexel

Em tramitação para assinatura do Acordo de Cooperação entre a Universidade Federal do Rio Grande do Norte e a Universidade de Drexel. O plano de trabalho para essa cooperação que será operacionalizado pelo Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde tem como objetivo estabelecer uma cooperação mútua e ampla para o desenvolvimento de projetos específicos como o de caneta à plasma, essa parceria envolve os departamentos de engenharia Biomédica e da engenharia mecânica da UFRN

Estados Unidos da América

Universidade de Maryland

Em fase de prospecção, as ações de cooperação com a a professora Samira Anderson da Universidade de Maryland (USA), contemplam o procedimento novo de potencial evocado que a base de pesquisa de audição e linguagem do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS/UFRN), coordenado pela professora Sheila Balem, irá aplicar nos bebês, pesquisa desenvolvida no âmbito do Projeto “Sífilis Não!”.

Estados Unidos da América

Universidade do Norte de Illinois

As ações de cooperação desenvolvidas com o Professor King Chung da Northern Illinois University, consistiu na testagem de um sistema de triagem auditiva com Ipad. O Professor Chung, responsável pela disponibilização dos equipamentos teve um recurso aprovado na Fullbright para desenvolver atividade presenciais no Brasil durante 4 meses. O ponto focal para essa parceria foi a professora Sheila Balem, coordenadora da base de pesquisa de audição e linguagem do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS/UFRN).

Estados Unidos da América

Universidade de Cincinnati

As ações de cooperação entre a base de pesquisa de audição e linguagem do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS/UFRN) coordenada pela professora Sheila Balem e o Professor David R. Moore da Universidade de Cincinnati, comtemplam o auxilio técnico-cientifico na fase 2 do Projeto Bambino com bebês expostos a sífilis, ademais a pesquisa tem contribuído para o Projeto “Sífilis Não!” operacionalizado pelo LAIS/UFRN.

Estados Unidos da América

ConquerX

Desde 2018 o LAIS tem estreitado os laços com a Universidade de Massachusetts através da start up ConquerX, as ações desenvolvidas entre as instituições tem como foco o desenvolvimento de projeto centrado na área de pesquisa do diagnóstico baseados em testes rápidos para sífilis congênita.

Estados Unidos da América

Universidade de Harvard

Com a Universidade de Harvard a parceria tem sido operacionalizada pela Escola de Saúde Pública T.H Chan e o Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS) da UFRN. As ações estão voltadas para o estudo no campo de Resiliência dos sistemas de saúde.

Estados Unidos da América

Massachusetts Institute of Technology

Com o Massachusetts Institute of Technology (MIT) as ações cooperativas envolveram a validação de protótipo para defesa de tese de doutorado, reuniões de alinhamento e acompanhamento de atividades de pesquisa realizadas em cooperação técnica com o MIT. Confira os vídeos abaixo e fique por dentro dessas ações.

Portugal

Universidade Aberta de Portugal

O plano de trabalho executado no âmbito do acordo de cooperação firmado com a Universidade Aberta de Portugal (UAb) tem como foco o desenvolvimento de pesquisa aplicada nas áreas de educação e comunicação.

Portugal

Universidade de Coimbra

O plano de trabalho executado no âmbito do acordo de cooperação firmado com a Universidade de Coimbra tem como foco o fortalecimento da pesquisa aplicada nos campos de educação, comunicação, gestão e governança para resposta à sífilis.

Portugal

Universidade de Coimbra - Grupo CISUC

A cooperação internacional com o Center for Informatics and Systems of the University of Coimbra (CISUC) tem como objetivo operacionalizar estudos teóricos e práticos, relacionando a técnicas de machine learning e sinais biomédicos aplicados ao processamento de dados em sistemas inteligentes para o au ílio do diagnóstico da esclerose lateral Amiotrófica. A UFRN e o CISUC têm em sua agenda, o desenvolvimento de sistemas inteligentes aplicados ao processamento de sinais biomédicos para pacientes com ELA, a investigação de técnicas neurofisiológicas para detectar a perda de unidades motoras e a busca de melhores técnicas de diagnóstico da doença;

espanha

Universidade Autônoma de Barcelona

O plano de trabalho executado no âmbito do acordo de cooperação firmado com a Universidade Autônoma de Barcelona tem como foco o desenvolvimento de pesquisas e recursos educacionais abertos para qualificação dos processos de comunicação, produção e análise de ações de educação a distância em saúde no Brasil.

Portugal

Universidade Complutense de Madrid

O plano de trabalho executado no âmbito do acordo de cooperação firmado com a Universidade Complutense de Madrid tem como foco a produção de novos formatos e narrativas audiovisuais inovadoras a serem aplicados em comunicação em saúde, educação a distância e difusão dos resultados alcançados pelo Projeto "Sífilis Não". Uma tese de doutoramento já se encontra em fase de desenvolvimento em parceria com a UCM.

Portugal

Universidade Pompeu Fabra

Com a Universidade Pompeu Fabra (UPF), a delegação do LAIS participou de um seminário bilateral para aproximação e intercâmbio de experiências de pesquisa e intervenção entre o LAIS/UFRN e o Grupo MEDIUM da UPF.

França

Universidade de Lorraine

O plano de trabalho que vem sendo executado no âmbito do Acordo de Cooperação firmado entre a UFRN e a Universidade de Lorraine é focado na Realização de pesquisas conjuntas nas áreas de Learning analytics, Big data e Machine learning, cujos resultados e/ou tecnologias desenvolvidas deverão ser aplicados na implementação das Salas de Situação contempladas no projeto “Sífilis Não”.

Canadá

Universidade de Athabasca

O plano de trabalho do Acordo de Cooperação firmado entre a UFRN e a Universidade de Athabasca tem como foco o desenvolvimento de atividades conjuntas que visam a mineração e análise de dados da sífilis, relacionando as áreas de Comunicação, Educação e Saúde.

Itália

Universidade Pontifícia Salesiana de Roma

O acordo de cooperação técnico-científica tramita na Universidade Pontifícia Salesiana (UPS). O plano de trabalho está em construção e visa desenvolver pesquisas e produção de recursos educacionais abertos (REA) voltados para a aplicação da ética e de boas práticas na utilização de inteligência artificial nos projetos desenvolvidos pelo LAIS/UFRN. A UPS já autorizou a transformação em REA das palestras do evento “Intelligenza Artificiale (AI) e Computer Quantistici” (2019). O LAIS foi apoiador do evento “Intelligenza Artificiale: per una Governance umana. Prospettive educative e sociali”, em 2020, intervindo com trabalhos científicos e conferencistas.

Itália

Universidade Degli Studi di Padova

No âmbito do Acordo de Cooperação vigente entre a Universidade Federal do Rio Grande do Norte e a Universidade Degli Studi di Padova, a base de pesquisa de Audição e Linguagem do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS/UFRN) coordenada pela professora Sheila Balem desenvolveu ações de cooperação com a Profa. Francesca Simion da Universidade Degli Studi di Padova na fase 1 do Projeto Bambino com bebês prematuros e com hiperbilirrubinemia.

Tanzânia

JOCUM

A educação em saúde tem o poder de mudar a vida das pessoas. Em Morogoro, cidade do interior da Tanzânia, uma iniciativa particular, através de cursos de educação a distância produzidos pelo LAIS, está transformando a realidade de centenas de pessoas. A cooperação técnica entre o LAIS e a JOCUM tem como objetivo o fortalecimento do uso do AVASUS na áfrica inglesa e em países que falam a língua kiswahili, como Tanzânia, Kenia, Ruanda, entre outros.

Irlanda

Universidade da Cidade de Dublin

O acordo de cooperação internacional com a Dublin City University (DCU) foi assinado em agosto de 2019. No âmbito dessa cooperação já houve apresentação de trabalhos do Projeto Sífilis Não em congresso internacional sediado pela DCU. Essa cooperação, embora já conte com o acordo assinado, ainda está em fase prospectiva. As atividades planejadas serão desenvolvidas em com o Centre for eIntegrated Care (CeIC) e incluem ações direcionadas à produção de recursos educacionais para profissionais da saúde e tecnologias assistivas para pacientes com necessidades especiais.

Suécia

Universidade de Borås

A cooperação internacional com a Universidade de Borås, na Suécia, ainda está em fase de prospecção, não havendo ainda acordo de cooperação ou plano de trabalho assinados no presente momento. De qualquer modo, professores do LAIS/UFRN e do Departamento de Engenharia Mecânica estão liderando as tratativas na cooperação para o desenvolvimento de tecnologias voltadas à área da saúde

Colômbia

Universidade Nacional da Colômbia – Sede Bogotá

A partir do acordo de cooperação vigente entre a Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e a Universidade Nacional da Colômbia tem sido desenvolvido um Programa de Cooperação entre o Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS/UFRN) e a UNAL-Sede Bogotá tendo em vista reunir esforços acadêmicos, técnicos, administrativos e logísticos para o desenvolvimento de ações conjuntas de interesse mútuo no campo científico-tecnológico, especialmente no que se refere ao desenvolvimento de pesquisas e tecnologias aplicadas a saúde, gestão estratégica de comunicação e governança aplicada à projetos em saúde. Os planos de trabalho em desenvolvimento contemplam ações no âmbito dos seguintes projetos: Telessaúde, RevEla, AVASUS e “Sífilis Não!”

África do Sul

Universidade de Pretoria

A parceria entre a base de pesquisa de audição e linguagem do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS/UFRN) coordenada pela professora Sheila Balem, e o Prof. De Wet Swaponel da Universidade de Petroria, África do Sul, consiste no desenvolvimento de ações conjuntas para adaptação do teste de dígitos no ruído, baseado em software, para o Português Brasileiro, além do LAIS/UFRN, essa parceria envolve ainda a participação de pesquisadores da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), Universidade de São Paulo (USP) e a Empresa Hear X. Como fruto dessa parceria já foram finalizadas pesquisas de mestrado e foi dado início as tratativas para formalização de um Acordo de Cooperação entre a Universidade Federal do Rio Grande do Norte e a Universidade de Pretoria.

Inglaterra

Universidade de Loughborough – Sede Londres

As tratativas com a Universidade de Loughborough estão sendo construídas com o Institute for Media and Creative Industries da Sede de Londres. As pontes de cooperação estão sendo fundamentadas na prospecção da participação conjunta na concorrência em editais de pesquisa da Comunidade Britânica com foco inicial na investigação sobre a capacidade de resiliência dos sistemas de saúde e das organizações de base comunitária na resposta a crises e pandemias por meio do desenvolvimento de tecnologias de informação e comunicação, redes e fluxos.

Tanzânia

Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS)

O Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde (LAIS) está localizado em Natal, a capital do estado do Rio Grande do Norte, na Região Nordeste do Brasil. A população da cidade está estimada em 884.122 habitantes, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE, 2019).