Projetos

Observatório do Aedes

O Observatório do Aedes Aegypti é um projeto que possibilita que a população denunciar a suspeita de focos e casos de suspeita de dengue, zyka e chikungunya de forma georreferenciada. O sistema também pode ser usado por agentes de endemias através de um aplicativo móvel que permite a criação de rotas de visitas ou para verificação de casos denúncias. Dessa forma, o gestor poderá ter acesso mais rapidamente às informações para poder planejar o combate ao vetor de transmissão da doença de forma mais eficiente. Para o gestor, o sistema também permite a criação de planos de contingência que são apresentados automaticamente para os gestores de acordo com a avaliação e constatação das denúncias.

Observatório do Aedes

Benefícios

Conheça as vantagens do projeto

População proativa

A população se torna proativa no processo de combate às endemias, fiscalizando os espaços públicos e interagindo com a gestão pública para potencializar ambos os esforços.

Gestão eficiente

Os gestores sabem em tempo real onde estão os focos das endemias, com mapas interativos e temporais apresentando o deslocamento das denúncias e acesso às mídias enviadas pela população.

Ferramenta simples

A população geral pode usar o aplicativo do Observatório do Aedes para denunciar os focos de dengue na sua cidade, permitindo o envio de áudio, foto e vídeo para melhor descrever a situação.

Evolução do Projeto

Veja os acontecimentos que marcaram o Observatório do Aedes

2012

Lançamento do Observatório da Dengue

2014

Mudança na proposta como Observatório Nacional da Dengue, com mudança de foco para a população realizar denúncias.

2016

Refletindo a nova realidade endêmica, o projeto passou a contemplar as novas doenças transmitidas pelo Aedes Aegypti.